segunda-feira, 2 de janeiro de 2012

Saúde até a última ponta - Yoga Journal


Tenha cabelos lindos e saudáveis sempre




















O grande guerreiro Virabhadra, personagem evocado em quase todas as aulas de Yoga nas posturas do guerreiro (virabhadrasana), nasceu dos cabelos de Shiva, num acesso de raiva do Deus hindu. Nossos cabelos, dos meros mortais, não dão origem a grandes heróis, mas podem ser bem fortes e saudáveis.
O dermatologista e presidente do Insituto de Pesquisa e Tratamento do Cabelo e da Pele, Dr. Valcinir Bedin explica que os “cabelos são hastes protéicas formadas por queratina (dureza) e melanina (cor). Servem para ampliar a área de contato corporal e para proteger a cabeça dos raios solares”.
A beleza dos cabelos, que é reflexo da saúde geral do corpo, começa com um estilo de vida saudável e, principalmente, uma alimentação equilibrada. Como os cabelos são formados por aminoácidos, vitaminas e sais minerais, uma alimentação rica nessas substâncias – especialmente em sais minerais - é indicada para manter os fios saudáveis. Para os carnívoros, as carnes vermelhas, ovos e frutos do mar ajudam bastante. Já os vegetarianos podem tirar essas substâncias do leite, cereais integrais e vegetais folhosos.
Segundo o Ayurveda, os cabelos também têm dosha específico e os cuidados devem ser de acordo com o biótipo do cabelo. A terapeuta ayurvédica Cristiane Ayres explica as características dos diferentes tipos de cabelos:
Vata: cabelos quebradiços, sem nutrientes, sem brilho, secos, pouca quantidade, pontas duplas e com textura fina;
Pitta: cabelos oleosos, queda de cabelos, caspa, seborréia, couro cabeludo sensível e também com textura fina;
Kapha: cabelos em grande quantidade, grossos, ondulados e com brilho, geralmente tem tendência a cabelos normais.
Os problemas capilares também podem ser classificados como distúrbio de cada dosha. Segundo Dr. Bedin as principais reclamações são, dos homens, a queda dos cabelos e das mulheres, além da queda, temos queixas como mudança na forma da haste, rarefação ou mudança da oleosidade do couro cabeludo. A queda dos cabelos é um distúrbio tipicamente pitta, assim como caspas e cabelos brancos. Oleosidade excessiva pode acontecer por um distúrbio kapha ou pitta. Já uma mudança no tipo de cabelo é característico de quem está com algum distúrbio. Uma pessoa pitta, por exemplo, que tem cabelos oleosos e passa a ter cabelos ressecados e quebradiços está, provavelmente, com um distúrbio vata.
Os cabelos também envelhecem. “Dependendo da raça (brancos antes dos amarelos e estes antes dos negros) os cabelos vão ficando brancos por um processo chamado de apoptose”, esclarece Dr. Bedin “que é a morte celular programada dos melanócitos (que dão a cor aos cabelos). Vão também perdendo um pouco de queratina, ficando mais finos e ralos com o passar do tempo”. Essas informações coincidem com as características de um cabelo mais vata, já que o envelhecimento é o aumento deste dosha no organismo.


Mais verão
Os cabelos também sofrem os estresses das altas temperaturas que estão por vir. “No verão os cabelos se desidratam e criam um campo elétrico chamado de eletricidade estática, o que os leva a se repulsarem, dando a idéia de espigados”, esclarece Dr. Bedin. O especialista aconselha o cuidado de manter os cabelos hidratados e limpos e usar algum tipo de produto que forme um filme protetor em volta dos fios, como os que têm silicone. Mantê-los protegidos do sol é a dica que Cristiane dá, principalmente usando um chapéu.
Outras dicas da terapeuta (úteis para todas as estações do ano) são:
- Use sempre xampu e condicionador adequado ao seu tipo de cabelo;
- Não coloque xampu diretamente sobre a cabeça, misture sempre com um pouco de água;
- Faça massagem sem usar as unhas, somente as pontas dos dedos, pois pode provocar irritação, enfraquecimento da raiz, descamação e até queda;
- Enxágüe bem os cabelos para retirar o excesso de xampus e condicionadores, sempre!
- A água quente abre as cutículas dos fios, portanto prefira água morna ou fria. Se puder, dê a última enxaguada com água fria, ela ajuda a fechar as cutículas e devolve o brilho dos cabelos;
- Mantenha o secador a uns 15 a 20 centímetros dos fios, em temperatura mínima ou média, nunca quente;
- Não deixe muito tempo o cabelo preso, somente quando tiver contato com muita poluição ou agressões climáticas.


Cristiane Ayres
Kris_ayres@hotmail.com
Dr. Valcinir Bedin
www.doutorbedin.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário